A cidadania Portuguesa

Quem tem direito:
Filhos ou filhas de portugueses.

A cidadania portuguesa poderá ser originária do lado materno ou paterno do requerente.

Caso o requerente seja neto ou bisneto de portugueses, é necessário primeiro o ascendente requerer a cidadania portuguesa.

Só depois que for dada a cidadania à este ascendente, é que a pessoa poderá requerer a cidadania dela mesma. Não é possível cumular processos ao mesmo tempo, p.ex. do avo, do pai, e do requerente.

Em caso de ascendentes falecidos, p.ex.:
Uma pessoa é bisneta de portugueses, mas o avô já é falecido, não é possível requerer a cidadania, pois este avô deveria ser o primeiro a requerê-la e em sendo falecido, não poderá requerer, por conseqüência o pai não poderá, e o filho não poderá.
Documentos e certidões de Portugal

É possível obter certidões em todas as cidades de Portugal. É necessário saber a data e a cidade onde a pessoa nasceu.


Prazo
O prazo para obter a cidadania é de aproximadamente 1 mês e meio. Este prazo varia de acordo com a cidade em que será requerida. É necessário para tanto, estar a documentação completa em ordem. Não estando, o processo poderá demorar mais tempo, até que seja regularizada a documentação.

Este processo é conduzido completamente por esta advogada em Portugal. O requerente não precisará vir nenhuma vez a Portugal para dar entrada ou retirar a sua cidadania.



© Copyright 2006 - Todos os direitos reservados à Autora