A Cidadania Alemã

1. A descendência para o requerimento da cidadania pode ser de várias gerações anteriores, p.ex., avo, bisavô, tataravô, etc.

2. Para requerer a cidadania do requerente não é necessário requerer a cidadania de seus antepassados, p.ex. pai ou avô.

Quem tem direito:
Descendentes de linha paterna - Condições:


a) filho (a) havido (a) da relação do casamento de pai alemão casado com a mãe estrangeira ou alemã antes do nascimento do requerente;

b) filho (a) de pai alemão não casado com a mãe da criança (em caso de nascimento após 01.07.1993, deve ser feito um teste de paternidade);

c) filho (a) de pai alemão e de mãe não casada com ele, em caso de nascimento antes de 01.07.1993 através de


1) legitimação (casamento posterior até 30.06.1998 se houver reconhecimento de paternidade válido segundo as leis alemãs, ou seja, se os pais não se casaram entre si ou não se casaram até 30.06.1998);

2) declaração de querer adquirir a nacionalidade alemã.
Condições:
- paternidade válida segundo as leis alemãs
- permanência legítima de três anos na Alemanha
- a declaração deve ser feita antes de completar a idade de 23 anos

Descendentes de linha materna – Condições: a) filho (a) havido (a) da relação do casamento de mãe alemã (apenas filhos nascidos após 01.01.1975);

b) filho (a) havido (a) da relação do casamento de mãe alemã entre 01.04.1953 e 31.12.1974, somente se a mãe tiver feito, no período de 01.01.1975 a 31.12.1977, a respectiva declaração perante o consulado alemão no exterior (comprovante). Essa declaração não pode ter sido feita após esse período;

Documentos e certidões da Alemanha

É possível obter certidões do ascendente alemão em todas as cidades da Alemanha. É necessário saber a data e a cidade onde a pessoa nasceu.

Processo

O processo de naturalização alemã é inteiramente conduzido por esta advogada, diretamente na cidade alemã de origem do ascendente alemão do requerente.